Inicio
Contato
Perguntas?
Mobile
Arquivo
RSS
Chamo-me Josenildo, tenho 19 anos; moro em João Pessoa. Aqui despejo minhas frases e pensamentos; coisas que derrepentemente me vêm à cabeça.

Brado: “Não haverá tristeza que me detenha, nem dor que não seja possível suportar; pois, nem o mais sombrio dos meus segredos é tão forte diante de Deus.”



Eu Leio


17/10/2011

#NãoDiga

É tão fácil e tão desprezível falar da boca pra fora. Assim, esforço-me em acreditar, e só então expresso; antes melhor ficar calado. É um princípio de honestidade; é um princípio.

16/10/2011

#EssaSaudade

A pior das saudades é aquela que sinto de coisas que nunca vi, nem vivi, nem fui. Esta é a minha saudade. E o rancor me domina, porquanto a vida por mim vivida não fora a que quis, nem as lembranças são de agrado meu; mas a despeito me martirizam, e me torturam de inevitável maneira a ponto de não me permitir superar. E me impede de chorar, ou sorrir, de sentir, de viver.

13/10/2011

#AdormeceCoração

O meu coração está tão infeliz
Nem sei por quê, se nada fiz
Para merecer essa tristeza

Oh, coração não culpes a mim
Se não há “nós”, nem um “você”
Se não há amor; você quis assim

Veja a lua; ela nunca encontra o sol
Não se entristeças coração menino
Por tal sentimento ser tão pianinho

Torne a dormir, daí tudo passa
E a velha vida sem graça,
Jazerá em velhos sonhos

Pois o amor que lhe proponho,
Em tempo algum, devera ser vivido;
Sendo, apenas, um sonho esquecido

Na verdade, não valeria à pena
Arruinaríamos uma outra vida
Pela falta de experiência

Por tanto, ouças o que digo
Se aquietes enquanto há tempo
Já é hora, adormece coração menino

13/10/2011

#FatoConsumado

"Há coisas que compreendemos apenas quando vivenciamos; tais coisas nos são reveladas de maneira inteligível; pois, à despeito do que esperamos, de nada sabemos ao certo."

12/10/2011

#NãoSeVá

Sabe, eu tenho um grande medo
Este é diferente dos outros
Acho que não irei suportar

O que eu queria era alguém como você
E agora você me diz que vai embora
É triste, sem você não posso levantar

Eu estava aprendendo tanto ao seu lado
Nunca estive tão feliz quanto hoje
Divirto-me ouvindo você

Não quero mais habitar em abstinência
Atropelei os melhores momentos
Nem consigo mais me apaixonar

Sua amizade é tudo o que eu tenho agora
Por favor, não vá; há muito que falar
Eu nem te contei sobre minhas coisas

Prometo não ficar em silêncio
Dessa vez, vou pensar em algo gentil
Não quero esquecer você, não vá

Deve haver uma explicação pra tudo
O tempo é meu inimigo, não se vá
Por favor, não se esqueça de mim

Eu sei que você não irá voltar
É, a gente não vai mais se ver
Foi bom te conhecer

Foi sempre assim, adeus

11/10/2011

#UmaVerdadeSobreMim

Tudo parecia bem, contudo, meu coração apertou
É uma pena que você não possa me entender
Às vezes dá uma vontade de chorar

Você estava falando, sem parar,
Nem me viu tentando esconder essa tristeza
Acho que disfarcei bem, já disse que sei fingir

Não interprete mal, eu não sou hipócrita
Nem sou misantrópico; até faz sentido
Eu me sentia bem em ver os outros felizes

Imagine ser, por todo um sempre, obsoleto
De fato, você não sabe como é
Eu não quis ser o excluído, todavia fui

Isso não é desculpa, há mais coisas por trás
A questão é que eu não tenho o que oferecer
Quem aceitaria estas condições?

Me afastei para que não os afastasse de mim
Uma atitude idiota, só percebi há pouco tempo
Não é tão simples, exige anos de experiência

Agora você entende? Espere, por favor, não vá
Me permita partilhar os meus segredos
Estou falando a verdade, é difícil não chorar

Por favor, não se afaste; eu preciso de um amigo

11/10/2011

#EuSonhoAssim

Vamos sair pra gente conversar
Você me parece tão triste
O que está havendo?
É sempre assim quando se ama demais

Fique tranquilo, pois ela vai voltar
E vai compreender que ainda te ama
Mas diz pra mim, o que você falou?
Não tem problema, tudo irá se resolver

Não vá pensar que tudo acabou
Porque eu estou aqui contigo
Se é pra sofrer, então vamos começar logo
Derramarei quantas lágrimas forem preciso

Importa-me que você esteja bem
Ouvi dizer que amigos fazem assim
Muito bem, quero ver você sorrindo
Vem cá que eu te dou um abraço

Vamos comer alguma coisa no shopping
Quem sabe descobrimos como fazê-la voltar
Ouvi dizer que amigos fazem assim
Veja, eu estou bem aqui

10/10/2011

#QuerSerMeuAmigo?

É sábado,

Não tenho planos para hoje
Vi no seu status, você está disponível
Mas eu não sei o que devo te dizer
É que eu não costumo falar muito

Há um tempo que estou sozinho
Eu não sei fazer amigos
Talvez seja por medo,
Receio que eu não seja interessante

Calado, jamais descobrirão a mim
E não constatarão que não tenho conteúdo
Eles não gostam de pessoas tristonhas
É improvável que você me entenda

Bem que eu poderia pegar um cinema
Mas não há quem convidar
Não há porque sair
Essa situação é constrangedora

Eu pensei em dizer oi
Só que me enrolaria com todo o resto
Se pra você é difícil construir uma nova amizade
Imagine como é para mim que nunca fiz

É preciso sentir o que sinto para me ajudar
Não se preocupe, fica pra próxima
Só espero não ser um velho quando conseguir
Eu já perdi os primeiros melhores momentos

Há quem diga ser bobagem,
Ou que não é coisa de garoto
Não ignore o que digo,
Eu só quero uma amizade

09/10/2011

#VaiPassar

O que pensou de mim? Esqueça!
Não cometo os seus erros
Eu não sou o seu espelho

Não me venha com suas frases feitas
Eu estava aqui esperando
E onde você estava?

Cansou de ficar comigo?
Por que não me disse antes?
Eu nem queria te ver

Sabe aquelas lágrimas,
Que derramei no chão?
Elas não combinam com o verão

Surpreso? Agora você me conhece
Pode ir, mas deixe a porta aberta
Eu quero ver você chorar

Não se arrependa do que fez
Foi bem melhor pra mim
Aquilo não era amor

Vai passar

09/10/2011

#Vento

Ouvi batidas à minha porta
Estou indeciso, devo abrir?
Talvez ele me traga notícias suas
Sabe, me faz relembrar aqueles dias

E se ele me pedir um motivo,
Vou dizer que não mereço você
Talvez ele vá embora
Durante esse tempo estarei feliz

Sentirei falta do seu cheiro
O sabor dos seus lábios
Da sua voz dizendo:
“Eu te amo também”

Quando ele passar por aí,
Deve lhe dar notícias minhas
Não se surpreenda, é tudo verdade
O tempo deixa apenas marcas

Eu nunca amei ninguém além de você
Por que estás sorrindo?
É triste isso, você vive enquanto jazo
Não se alegre com minhas palavras

Tudo bem, não daríamos certo
Pra que tivemos que tentar?
Meus traumas somados à você
Me deixaram assim,

Não fique triste, um dia passa
Eu estou bem, já aprendi a sorrir
Não dói tanto assim,
Há mais coisas pelo que chorar

Página 1 de 8 1 2 3 4 5 6 7 8